Volte ao SPIN

terça-feira, 21 de janeiro de 2014

Olha a vida!

Clique na imagem para ampliar


E nesta noite tive várias revelações de sonhos e me esqueci de todos
E esqueci pq eles traziam a satisfação do dever cumprido, o que não pode acontecer
Imagina só dar como concluída esta obra: Isso é decretar a sua morte
O tempo não pára
Olha a morte!
Olha a vida!
Olha a morte!
Olha a vida!
Olha a morte!
Olha a vida!
Olha a morte!
Olha a vida!
Olha a morte!
Olha a vida!
Olha a morte!
Olha a vida!
Olha a morte!
Olha a vida!
Esta obra poderia continuar com essa toada por mil anos
Ah, mas há outras possibilidades tais como a questão dos poderes
Poder brincante
Poder mortífero
Poder vivificante
Poder musical
A minha obra poderia consistir nisso: Marcar identificar os poderes na vida dia-a-dia
E fiz isso ontem após o expediente quando estava a caminho da missa de 7o dia do pesar da árvore que foi consumida por uma árvore daninha uma parasita que se instalou por dentro e a sufocou: Vi isso ontem
Alíás, ontem vi tudo, como por exemplo o ecumenismo durante a celebração: Todas as religiões juntas, todas as raças, tudo
E foi bom: Muito canto
E dentro do templo muitas pinturas e, fora, muitas árvores
Pena que acabou a memória do cartão mas ainda bem que, antes do fim da memória, ainda registrei algumas obras a caminho da celebração
Isso: O Poder Brincante
(   ) Perto

P.S.- Esqueci de dizer que nesta noite tive a seguinte revelação: Uma formação de coral no mar bem longe mas perto

Continuidade no próximo poste



Nenhum comentário:

Postar um comentário